Guarujá inicia a entrega de 180 moradias do Parque da Montanha

A partir do próximo dia 30, aniversário de 86 anos de emancipação político-administrativa de Guarujá, a comemoração ficará por conta de 180 famílias que serão contempladas com as chaves das unidades iniciais do Parque da Montanha, empreendimento habitacional que teve suas obras retomadas em abril de 2018 após mais de 10 anos paradas. Ao todo, o Parque da Montanha terá 1.962 unidades.

Para evitar aglomerações, devido à pandemia do novo coronavírus, as entregas das primeiras 180 unidades, nas quadras 20, 60 e 100, serão feitas de forma gradativa, até o dia 31 de julho.

O Parque da Montanha, na Avenida Raphael Vitiello, na Vila Edna, é o maior empreendimento habitacional em execução na Região Metropolitana da Baixada Santista e contempla famílias oriundas do Complexo Prainha e Sítio Conceiçãozinha, áreas portuárias. Suas 1.962 unidades, junto com outros empreendimentos da Secretaria Municipal de Habitação (Sehab), integram a maior produção habitacional da Cidade em 19 anos.

O conjunto é a terceira etapa do Projeto Favela Porto Cidade, no âmbito do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 1), conforme o contrato de repasse nº 218.827-99, firmado em outubro de 2007 com o Ministério das Cidades, atual Ministério do Desenvolvimento Regional, sob a gestão da Caixa Econômica Federal (CEF). As duas etapas anteriores se deram na comunidade da Prainha.

Acabamento é diferencial

Sob fiscalização da Secretaria de Infraestrutura e Obras (Seinfra) e da CEF, as 180 unidades iniciais passaram por uma renovação em termos de infraestrutura e acabamento, visto que, no início de 2017, as unidades encontravam-se inacabadas e vandalizadas, após serem abandonadas.

O que tornou o acabamento um diferencial dos apartamentos do empreendimento. Na parte externa, foi feito um cobrimento da alvenaria em monocapa, tipo de argamassa que atua como impermeabilizante. O resultado é um acabamento mais fino, que protege da chuva e umidade, diferente do acabamento feito diretamente no bloco aparente, como ocorria em empreendimentos entregues antes de 2017.

O teto interno da cozinha e banheiro conta com forro leve em PVC, que facilita a limpeza e promove grande durabilidade. Os acabamentos dos dois cômodos também foram feitos em monocapa e receberam duas demãos de tintura branca. Já o revestimento da cozinha foi feito com azulejos em toda a área molhada. No banheiro, o revestimento foi feito com azulejos que cobrem meia parede e as janelas são de alumínio branco basculante.

No primeiro pavimento das unidades, o forro também foi feito em PVC, com as janelas em alumínio branco de duas folhas e o piso com as mesmas placas esmaltadas de 35x35cm, presentes na cozinha e banheiro. No segundo pavimento, as janelas foram feitas com alumínio branco de correr de 1×1,5m, com duas folhas de vidro.

Na área de serviço, para o sustento das caixas d’água, foram instaladas pontaletadas de madeira devidamente tratadas com utilização de cupinicida incolor. O acabamento da pintura das paredes da área de serviço foi feito, primeiramente, com um cobrimento da alvenaria em monocapa e depois com uma segunda camada de revestimento com textura. Antes, a área de serviço sequer possuía revestimento nas paredes e piso.

Além disso, o empreendimento possui toda e estrutura de drenagem, esgoto, iluminação e pavimentação em todas as ruas principais do conjunto, totalizando 10 mil metros quadrados de asfalto.

“Traçamos como objetivo prioritário a retomada dessas obras que foram negligenciadas. É uma maneira de recuperar a dignidade e dar esperança a essas 180 famílias e dar uma virada de página, comprovando que a política habitacional é um dos pilares da atual Administração Municipal em Guarujá”, explica o titular da Sehab, Marcelo Mariano.

Texto e Foto: Assessoria/PMG

Deixe seu comentário:

Notícias relacionadas

Obras de recuperação de encostas nos morros recebem mais R$ 17 milhões

União autorizou repasse de mais R$ 17,2 milhões ao Município; montante soma-se aos R$3,2 milhões, já autorizados em abril. Recursos serão aplicados em serviços de limpeza e remoção de resíduos De Guarujá O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), através da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, acaba de autorizar o repasse de R$ 17,2 Leia mais

Obras de infraestrutura avançam nos bairros

Novas tubulações de concreto com 60 centímetros de diâmetro serão assentadas na Rua Santo Antônio e Rua São Paulo, no Sítio Conceiçãozinha. As obras estão sendo executadas por meio de um convênio firmado com a Prefeitura de Guarujá e a Caixa Econômica, que vai atender mais de 100 vias públicas do Município. O bairro da Leia mais

Fase Laranja – Comércio reabre segunda-feira com novas medidas de controle

Com a migração da Baixada Santista para a zona laranja do Plano SP, do Governo do Estado, comércios e empresas estão autorizados a funcionar parcialmente em Guarujá, a partir da próxima segunda-feira (15). A nova flexibilização diz respeito a shoppings, hotéis, comércio de rua e outras atividades e está normatizada pelo decreto municipal nº 13.711, Leia mais