Connect with us
Alimentação ofertada segue critérios nutricionais, informou a prefeitura | Divulgação/PMG

Guarujá em Foco

Guarujá completa 1 milhão de refeições para alunos na pandemia

Publicado

em

Alimentação ofertada segue critérios nutricionais, informou a prefeitura | Divulgação/PMG
Alimentação ofertada segue critérios nutricionais, informou a prefeitura | Divulgação/PMG

Distribuição foi mantida durante a suspensão das aulas presenciais

O direito à alimentação foi garantido desde o início da pandemia aos cerca de 34 mil alunos matriculados na rede municipal de ensino. Por isso, nesta semana, a Secretaria de Educação (Seduc) atingiu a marca de mais de um milhão de refeições fornecidas aos estudantes durante a suspensão das aulas presenciais na pandemia e também aos que integram o sistema híbrido, nos dias em que não estão nas aulas presenciais, depois que as escolas retomaram o ensino presencial.

— Leia também: Feriado prolongado altera expediente de repartições públicas

Segundo levantamento, foram 1.000.027 refeições no período de 23 de março de 2020 até a última quarta-feira, 6. Pouco mais da metade de todo esse volume foi registrado no ano passado, com 526.829 refeições servidas aos alunos. Neste ano, até o momento, o total ofertado chegou a 473.198 alimentações.

“É uma marca histórica que demonstra o quanto a prefeitura se preocupa em garantir a refeição dos alunos em um momento tão delicado. Trata-se de uma alimentação balanceada, que segue todos os critérios nutricionais, além de ser feito com muito amor por uma equipe capacitada. Um aluno bem alimentado consegue se mantém muito mais focado em seus estudos”, frisa a secretária interina de Educação de Guarujá, Renata Souza.

Balanço das refeições

Conforme apontou a prefeitura, durante a suspensão das aulas presenciais na rede municipal de ensino, foi mantida a oferta da alimentação em 15 unidades polo, com o objetivo de atender aos alunos que se encontravam em atividades remotas. A iniciativa funcionou até 8 de julho.

Além disso, desde 12 de julho com a retomada das aulas presenciais na rede municipal – que hoje obedece a uma capacidade de até 50% dos alunos por turma, em esquema de revezamento diário e por cores – os alunos fazem as refeições na própria unidade. Já os estudantes, que conforme o revezamento desenvolvem as atividades em casa, estes podem efetuar a retirada da alimentação na própria escola em que estão matriculados, em horário único: das 11h30 às 12h30. É exigida do responsável a apresentação de documento do aluno matriculado.