Nova classificação do Plano SP será anunciada nesta sexta-feira

Na 2ª semana epidemiológica do ano, o estado de SP segue em quarentena. A média de internações segue superior a 1600 internações diárias. Números estes semelhantes aos do pico da pandemia, em agosto.

São Paulo – Na quarta-feira (13), o governo do Estado informou que uma nova classificação do Plano SP será anunciada nesta sexta-feira (15), tendo como base estudos realizados pelo Centro de Contingência da Covid.

Na 2ª semana epidemiológica do ano, o estado de SP segue em quarentena. Nas últimas 24 horas, SP registrou 15.227 novos casos de Covid, com 323 óbitos. A média móvel até quarta estava acima de dez mil casos diários, com taxa de óbitos acima de 200.

A média de internações segue superior a 1600 internações diárias. Números estes semelhantes aos do pico da pandemia, em agosto. Já a ocupação de leitos de UTI no estado atingiu 66,3%. O total de óbitos no estado registrou o número de 48.985.

Em relação à primeira semana epidemiológica, houve aumento de 11,7% no número de novos casos, incremento de 3,3% nas internações e queda de 19% no número de óbitos.

Volta às aulas na rede estadual

A retomada ocorrerá no próximo dia 1º de fevereiro.

Também nesta quarta-feira (13), os Secretários de Estado Rossieli Soares (Educação) e Marco Vinholi (Desenvolvimento Regional) apresentaram aos 645 prefeitos do Estado os detalhes da volta às aulas presenciais a partir de 1º de fevereiro na rede pública estadual.

Para este ano, foi autorizada pelo Governo do Estado a abertura das escolas em todas as fases do Plano São Paulo, obedecendo aos critérios de segurança estabelecidos pelo Centro de Contingência do Coronavírus.

Além do tema da volta às aulas, foram abordadas as parcerias entre Estado e Municípios, como materiais didáticos, merenda e transporte escolar, e também foi anunciado investimento de R$ 80 milhões para o novo programa para ampliação de vagas em creches municipais.

O diferencial para este ano é que as prefeituras poderão ofertar seus próprios projetos de obras para construção.

Deixe seu comentário:

Notícias relacionadas

Covid-19: Pfizer vai entregar 14 milhões de doses de vacina até junho

Farmacêutica se comprometeu a antecipar entrega ao Brasil O governo federal informou hoje (8) que a farmacêutica norte-americana Pfizer vai entregar ao Brasil 14 milhões de doses da sua vacina contra covid-19 até junho deste ano. O presidente Jair Bolsonaro se reuniu com o presidente da Pfizer, Albert Bourla, nesta segunda-feira, por videoconferência, e pediu Leia mais

Setor de serviços e tecnologia eleva PIB Paulista

PIB registra expansão de 0,4%, enquanto a economia mundial recuou 3,5%; no Brasil a retração foi ainda maior, de 4,1% O Governador João Doria anunciou, nesta quinta-feira (4), que o Produto Interno Bruto (PIB) de São Paulo manteve o crescimento no ano de 2020, considerado o mais difícil da história recente em razão dos reflexos Leia mais

Mais de 10 mil pessoas já foram vacinadas em Guarujá

Cidade aplicou 11.859 doses do imunizante, entre primeiras e segundas doses; meta de cobertura vacinal em idosos com mais de 85 anos já foi atingida Guarujá ultrapassou a marca de 10 mil pessoas vacinadas contra a covid-19 na segunda-feira (22). A campanha começou há pouco mais de um mês e já imunizou 10.152 indivíduos, entre Leia mais

Governo de SP inicia em Serrana teste inédito de vacinação em massa

Megaoperação deve imunizar 30 mil moradores com vacina do Butantan e medir redução de contágio do coronavírus O Governador João Doria deu início nesta quarta-feira (17) a uma megaoperação inédita de vacinação em massa para medir a redução do contágio do coronavírus em uma população. A ação ocorre no município de Serrana, na região de Leia mais